Instituto Interamericano de Cooperación para la Agricultura | Resultados, nuestro compromiso

  •     Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura
  •   Resultados, nosso compromisso

A Importância do agronegócio para o Brasil

por André Souto Maior Pêssoa; IICA, Brasília, D.F. (Brasil);
do MAPA / SPRC Desenvolvimento Agropecuário - Regionalização das Políticas de Desenvolvimento do Agronegócio e do Cooperativismo Brasileiros 14077
.
Tipo de material: materialTypeLabelLivroLugar de publicação: Brasil: IICA, 2015Resumo: Entre 1994 e 2013, as atividades agrícola e pecuária brasileiras cresceram significativamente. As expansões presenciadas na produção de grãos, cana-de-açúcar, café, algodão e carnes não decorreram apenas de expansão de área, mas essencialmente dos ganhos de produtividade provenientes de uso mais intensivo do chamado pacote tecnológico - formado pela maior utilização de fertilizantes e defensivos, desenvolvimento de novas sementes e práticas de cultivo e ampliação e renovação do parque de máquinas agrícolas. O desenvolvimento de tecnologias adaptadas às características do território brasileiro proporcionou a tropicalização da agricultura no país, se expandindo das zonas temperadas do Sul para as regiões de Cerrado no Centro-Oeste e atingindo, mais recentemente, regiões como sul do Maranhão e do Piauí e o Oeste da Bahia. A evolução da atividade extrapolou os limites físicos da propriedade, fazendo com que a agropecuária passasse a se relacionar, cada vez mais, com os setores de insumos, armazenamento, processamento, industrialização e distribuição – cujas cadeias, em conjunto, definem o agronegócio? Para além do crescente fornecimento de alimentos, geração de renda e emprego, a essencialidade do agronegócio frente ao processo de crescimento e desenvolvimento econômico do Brasil baseia-se na proposição do setor quanto à manutenção do equilíbrio macroeconômico interno e externo: estabilização de preços domésticos dos produtos é obtida pela capacidade de crescimento da oferta ao ritmo imposto pela demanda, a participação do setor nas exportações totais garante o equilíbrio externo, gerando divisas e estabilização da balança de pagamentos e as relações intersetoriais do agronegócio evidenciam os efeitos propulsores para outros setores econômicos? Assim, o presente trabalho evidencia que o agronegócio não se reflete somente no destaque do país no mercado internacional de commodities agrícolas. Os benefícios e estímulos disseminados para os demais setores e, por conseguinte, para a população, elucidam a importância desse setor frente no processo de crescimento e desenvolvimento econômico do país? Assunto(s): AGRONEGÓCIOS | AGRONEGÓCIO | ECONOMIA | MERCADO DE TRABALHO | RELAÇÕES INTERSETORIAIS | TECNOLOGIA | SEGURANÇA ALIMENTAR | PERSPECTIVAS
Tipo de material Localização Coleção Número de chamada Status Data de devolução Código de barras
Documento impreso Documento impreso Colección IICA Disponível CDBR000000000696

Relatório

Entre 1994 e 2013, as atividades agrícola e pecuária brasileiras cresceram significativamente. As expansões presenciadas na produção de grãos, cana-de-açúcar, café, algodão e carnes não decorreram apenas de expansão de área, mas essencialmente dos ganhos de produtividade provenientes de uso mais intensivo do chamado pacote tecnológico - formado pela maior utilização de fertilizantes e defensivos, desenvolvimento de novas sementes e práticas de cultivo e ampliação e renovação do parque de máquinas agrícolas. O desenvolvimento de tecnologias adaptadas às características do território brasileiro proporcionou a tropicalização da agricultura no país, se expandindo das zonas temperadas do Sul para as regiões de Cerrado no Centro-Oeste e atingindo, mais recentemente, regiões como sul do Maranhão e do Piauí e o Oeste da Bahia. A evolução da atividade extrapolou os limites físicos da propriedade, fazendo com que a agropecuária passasse a se relacionar, cada vez mais, com os setores de insumos, armazenamento, processamento, industrialização e distribuição – cujas cadeias, em conjunto, definem o agronegócio? Para além do crescente fornecimento de alimentos, geração de renda e emprego, a essencialidade do agronegócio frente ao processo de crescimento e desenvolvimento econômico do Brasil baseia-se na proposição do setor quanto à manutenção do equilíbrio macroeconômico interno e externo: estabilização de preços domésticos dos produtos é obtida pela capacidade de crescimento da oferta ao ritmo imposto pela demanda, a participação do setor nas exportações totais garante o equilíbrio externo, gerando divisas e estabilização da balança de pagamentos e as relações intersetoriais do agronegócio evidenciam os efeitos propulsores para outros setores econômicos? Assim, o presente trabalho evidencia que o agronegócio não se reflete somente no destaque do país no mercado internacional de commodities agrícolas. Os benefícios e estímulos disseminados para os demais setores e, por conseguinte, para a população, elucidam a importância desse setor frente no processo de crescimento e desenvolvimento econômico do país?

Não há comentários para este material.

Acesse sua conta para postar um comentário.