Instituto Interamericano de Cooperación para la Agricultura | Resultados, nuestro compromiso

  •     Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura
  •   Resultados, nosso compromisso

Processamento mínimo de vegetais : Uso produtivo e eficiente da energia elétrica

por Centrais Elétricas Brasileiras S.A. - Eletrobras; IICA, Brasília, D.F. (Brasil).
Tipo de material: materialTypeLabelLivroNúmero de Chamada: IICA E21 Série: Centros Comunitários de Produção.Lugar de publicação: Rio de Janeiro, Brasil: IICA, 2015Descrição: 49 p.Resumo: A implantação de CCPs é um processo que traz novos desafios para as comunidades que nem sempre têm um estabelecimento para realizar suas atividades. Dessa forma, para que elas projetem e instalem uma dessas unidades, é necessário que tenham o conhecimento sobre as principais características que o empreendimento idealizado deve possuir para ser implantado e operado adequadamente, de modo a permitir uma operação segura e eficiente. Assim, no âmbito do Projeto de Cooperação Técnica com o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura – IICA, a Eletrobras, empresa atuante em responsabilidade social e atenta às soluções energéticas para apoiar projetos de desenvolvimento sustentável, contratou algumas consultorias especializadas para desenvolver projetos padronizados de diversos tipos de unidades de beneficiamento. Esses documentos inspiraram a presente Série de Projetos de Referências, que tem como objetivo viabilizar a aplicação de técnicas inovadoras em comunidades e permitir que elas elaborem seus projetos, resultando o aumento de suas rendas e o uso da energia elétrica com eficiência em seus processos. Neste volume, para você, que deseja desenvolver junto com seus vizinhos um Centro Comunitário de Produção para o Processamento Mínimo de Verduras, Raízes, Hortaliças e Frutas, nós vamos detalhar um projeto de referência para a implantação de um empreendimento com capacidade para beneficiar uma produção de 350Kg de vegetais por dia. O mercado de vegetais minimamente processados é promissor e, com isso, os agricultores têm mais uma opção para agregar valor a seus produtos. A procura por alimentos saudáveis vem aumentando nos últimos anos, mas o tempo e a mão de obra disponíveis para o preparo doméstico destes alimentos é cada vez mais reduzido, em razão da agitada vida moderna nas cidades ou em decorrência da dura rotina do morador do campo, que tem de somar esforços com todos os membros de sua família para realizar as tarefas diárias. Assim, o consumo dos vegetais minimamente processados já é visto como uma boa alternativa para facilitar as vidas das famílias na cidade ou no meio rural. Para suprir essa demanda, algumas empresas começaram a lançar no mercado produtos que atendam às exigências do consumidor, ou seja, alimentos com alto valor nutricional e prontos para o consumo.

DESCARREGAR: por

Assunto(s): PRODUCTOS VEGETALES PROCESADOS | PROCESSED PLANT PRODUCTS | PRODUTO VEGETAL TRANSFORMADO | PRODUCTOS VEGETALES PROCESADOS | PROCESSED PLANT PRODUCTS | PRODUTO VEGETAL TRANSFORMADO | HORTALIZAS | VEGETABLES | PRODUTO HORTÍCOLA | PRODUCTO DE ORIGEN VEGETAL | PLANT PRODUCTS | PRODUTO DE ORIGEM VEGETAL | LEGUMINOSAS | LEGUMES | LEGUMINOSA | HORTALIZAS LEGUMINOSAS | VEGETABLE | LEGUMES | RAÍCES | ROOTS | RAIZ | HOJAS | LEAVES | FOLHA | FRUTOS | FRUIT | FRUTO | INDUSTRIA ALIMENTARIA | FOOD INDUSTRY | INDÚSTRIA ALIMENTAR | TECNOLOGÍA DE ALIMENTOS | FOOD TECHNOLOGY | TECNOLOGIA ALIMENTAR | DESARROLLO RURAL | RURAL DEVELOPMENT | DESENVOLVIMENTO RURAL | SUMINISTRO DE ENERGÍA ELÉCTRICA | ELECTRICITY SUPPLIES | FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉCTRICA | COOPERACIÓN INTERNACIONAL | INTERNATIONAL COOPERATION | COOPERAÇÃO INTERNACIONAL | AGROINDUSTRIA | AGROINDUSTRY | AGROINDÚSTRIA | ALIMENTOS PROCESADOS | PROCESSED FOODS | PROCESSED FOODS | ALIMENTO TRANSFORMADO | DESARROLLO SOCIAL Y ECONÓMICO | DESENVOLVIMENTO SOCIOECONÓMICO | SOCIOECONOMIC DEVELOPMENT | ASISTENCIA TÉCNICA | TECHNICAL AID | ASSISTÊNCIA TÉCNICA | DESARROLLO DE LA COMUNIDAD | COMMUNITY DEVELOPMENT | DESENVOLVIMENTO DA COMUNIDADE | DESARROLLO SOSTENIBLE | SUSTAINABLE DEVELOPMENT | DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL | BRASIL
Tipo de material Localização Coleção Número de chamada Status Data de devolução Código de barras
Documento digital Documento digital Colección IICA IICA E21 (Percorrer estante) Disponível BVE17069006

A implantação de CCPs é um processo que traz novos desafios para as comunidades que nem sempre têm um estabelecimento para realizar suas atividades. Dessa forma, para que elas projetem e instalem uma dessas unidades, é necessário que tenham o conhecimento sobre as principais
características que o empreendimento idealizado deve possuir para ser implantado e operado adequadamente, de modo a permitir uma operação segura e eficiente. Assim, no âmbito do Projeto de Cooperação Técnica com o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura – IICA, a Eletrobras, empresa atuante em responsabilidade social e atenta às soluções energéticas para apoiar projetos de desenvolvimento sustentável, contratou algumas consultorias especializadas para desenvolver projetos padronizados de diversos tipos de unidades de beneficiamento. Esses documentos inspiraram a presente Série de Projetos de Referências, que tem como objetivo viabilizar a aplicação de técnicas inovadoras em comunidades e permitir que elas elaborem seus projetos, resultando o aumento de suas rendas e o uso da energia elétrica com eficiência em seus processos. Neste volume, para você, que deseja desenvolver junto com seus vizinhos um Centro Comunitário de Produção para o Processamento Mínimo de Verduras, Raízes, Hortaliças e Frutas, nós vamos detalhar um projeto de referência para a implantação de um empreendimento com capacidade para beneficiar uma produção de 350Kg de vegetais por dia. O mercado de vegetais minimamente processados é promissor e, com isso, os agricultores têm mais uma opção para agregar valor a seus produtos. A procura por alimentos saudáveis vem aumentando nos últimos anos, mas o tempo e a mão de obra disponíveis para o preparo doméstico destes alimentos é cada vez mais reduzido, em razão da agitada vida moderna nas cidades ou em decorrência da dura rotina do morador do campo, que tem de somar esforços com todos os membros de sua família para realizar as tarefas diárias. Assim, o consumo dos vegetais minimamente processados já é visto como uma boa alternativa para facilitar as vidas das famílias na cidade ou no meio rural. Para suprir essa demanda, algumas empresas começaram a lançar no mercado produtos que atendam às exigências do consumidor, ou seja, alimentos com alto valor nutricional e prontos para o consumo.

Não há comentários para este material.

Acesse sua conta para postar um comentário.

Clique em uma imagem para visualizá-la pelo image viewer